sexta-feira, 23 de março de 2012

Você no Para Musicar

Que tal um vídeo seu (tocando e/ou cantando)Publicado no nosso Blog?
Gostou da idéia?

Então siga estes os passos:
  • Publique um vídeo seu na internet (sim, pode ser no ” youtube”);
  • Envie o endereço do seu vídeo via comentário na página “Você no Para Musicar” e faça uma breve descrição dele (nome da música, compositor, coisas do tipo!).
                        Pronto! Assistiremos aos vídeos e escolheremos um para publicarmos por, pelo menos, 3 dias! Boa sorte!

Observações importantes:
  • Não há "premiação", apenas publicaremos o vídeo escolhido! 
  •  Não é necessário ser membro do Blog para participar, mas se você fizer a gentileza de se tornar um membro ficaremos contentes!
Serão deletados links que não estiverem de acordo com a proposta feita pelo blog.

Lembre-se:
  • Mesmo que seu vídeo não seja o escolhido, os visitantes do blog poderão visualizá-lo  através do seu link;
  • Um vídeo será escolhido para ser exibido  a cada 3 dias, salvo alguma eventualidade;
  • Oportunidade oferecida por tempo indeterminado!






Participe! 

Grande Abraço!

Escalas Pentatônicas para Violão & Guitarra

"Desenhos" das escalas pentônicas no braço do Violão/Guitarra!


                Observe o seguinte: Os modelos apresentados acima são móveis, ou seja, podem  ser digitados a partir de qualquer casa desde que se observe a localização da nota que dá nome à escala (Tônica).

Exemplos: Para tocar no tom de Lá maior, pode-se utilizar o modelo 1 começando com o dedo   4 (laranja) na 6ª corda, casa 5.
                Para tocar no tom de Fá# menor, pode-se utilizar o mesmo modelo começando com a 6ª corda apertada pelo dedo 1 na segunda casa.

                Para tocar em um tom menor ou maior  basta prestar atenção na localização da tônica.  Qualquer dúvida deixe seu comentário.

sexta-feira, 9 de março de 2012

Acordes Diminutos para Bandolim & Mandolin


Para saber mais sobre Acordes Diminutos, Clique Aqui. 



Acordes Diminutos


Os Acordes Diminutos: Este tipo de acorde se caracteriza pela presença de 3 terças menores na sua formação. Em outras palavras, este acorde possui  1tom e meio entre a Tônica e a Terça, entre a Terça e a Quinta e entre a Quinta e a Sétima. Ou ainda, podemos dizer que é um acorde Menor com Quinta diminuta e Sétima diminuta. Exemplo: Dó diminuto.


Agora observe o seguinte:
A distância entre as notas que formam o acorde é sempre a mesma independente da nota em que se começa. Exemplos:



Assim, as notas que formam um acorde diminuto são as mesmas notas que formam outros três acordes diminutos. Exemplos:
Dó diminuto = C + Eb + Gb + A
Mib diminuto = Eb + Gb + A + C
Solb Diminuto = Gb + A + C + Eb
Lá Diminuto = A + C + Eb + Gb
Portanto, considerando que os acordes podem aparecer de forma invertida(com outra nota mais grave que não seja a tônica) é possível, em uma mesma formação obter os quatro acordes. Exemplo no Bandolim: